hemorragia-subconjuntival 1

Hemorragia subconjuntival – o “derrame nos olhos” – não é grave, mas requer cuidados

Aquela mancha vermelha na parte branca do olho que surge de repente, assusta. Isso acontece quando um dos vasos da conjuntiva (membrana transparente que reveste a parte interna das pálpebras e o branco do olho) se rompe. É mais comum em pessoas com pressão alta, com diabetes ou por microtraumas causados pelo paciente. A hemorragia subconjuntival é popularmente conhecida como “derrame no olho”.

O oftalmologista Luís Fernando Paiva, que atua no Instituto de Olhos Clóvis Paiva, explica que esforços excessivos, como tossir repetidamente ou o movimento de náuseas e vômito, podem causar aumento da pressão venosa, o que também propicia o surgimento dessa hemorragia, por serem movimentos que requerem muita força e podem romper os pequenos vasos do olho.

“A conjuntiva tem muitos vasos, que são pequenos, e quando são rompidos acontece um extravasamento de sangue, que dá uma aparência preocupante para o paciente”, explica o médico. Na maioria das vezes, a situação não é considerada uma emergência, por não interferir na qualidade da visão.

Entretanto, sempre que o quadro aparecer é importante consultar um oftalmologista, numa clínica de olhos com especialistas na área, porque outras alterações podem ser semelhantes a essa hemorragia e apresentar gravidade. Os riscos de rompimento de vasos no olho são mais frequentes em pessoas com um pouco mais de idade, principalmente os hipertensos e diabéticos, por haver fragilidade vascular maior. Ao coçarem o olho, por microtrauma, trauma no travesseiro e oscilação da pressão arterial, podem romper algum vaso causando o extravasamento de sangue na conjuntiva.

Na maioria das vezes não há sintoma. Normalmente, se já existe um quadro de vermelhidão ocular decorrente de outras consequências, como processo inflamatório, ela vem associada com dor e até secreção, no caso de conjuntivite.

Como tratar

A hemorragia subconjuntival não causa danos irreversíveis. Normalmente, a situação se reverte espontaneamente; mesmo se o volume de sangue for grande, é absorvido de forma espontânea.

O Instituto Clóvis Paiva está localizado no bairro da Boa Vista, no Recife, e possui uma unidade no centro de Igarassu, na área norte da Região Metropolitana do Recife.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *