top of page

Falta de higiene ou baixa imunidade? Saiba as causas do terçol

Do Portal Idmed

Você tem percebido vermelhidão ou sentido dores e calor na região próxima à pálpebra? Fique atento, pois esses podem ser apenas alguns dos sintomas do hordéolo, conhecido popularmente como terçol.

O terçol consiste na inflamação ou infecção bacteriana das glândulas situadas na borda da pálpebra, próximas aos cílios. Em decorrência dessa infecção, pústulas podem ser formadas no local, sendo que algumas delas podem ser drenadas espontaneamente ou evoluir para cistos de difícil reabsorção pelo organismo. Trata-se de um processo semelhante ao da formação da acne, que ocorre quando há obstrução de uma glândula sebácea.

Dentre os principais fatores de risco para o surgimento do terçol está a falta de higiene no manuseio de lentes de contato e a não retirada de maquiagem antes de dormir. No entanto, segundo o médico dermatologista Dr. Adriano Almeida, trata-se de um problema que também pode ter relação com o sistema imunológico, já que os agentes infecciosos acometem mais pessoas com a imunidade comprometida.

Terçol x conjuntivite

Apesar de ambas serem doenças contagiosas por se tratarem de bactérias, o hordéolo pode ser facilmente distinguido da conjuntivite pelos sintomas. “A conjuntivite, diferentemente do terçol, apresenta-se com prurido ou coceira no olho acometido e secreção, na maioria das vezes purulenta”, explica o dermatologista.

Vale lembrar que, assim como a conjuntivite, o terçol pode ser contagioso e recidivante, ou seja, tem a possibilidade de retornar após tratamento prévio. Além disso, em caso de repetidas ocorrências, o hordéolo pode influenciar em problemas mais sérios, como astigmatismo, miopia e outras doenças oftalmológicas como celulite de pálpebras, uma grave infecção de pele.

Tratamentos caseiros

Se as dores ocasionadas por terçol estão incomodando muito, existe uma fórmula caseira que pode aliviar o desconforto: o calor local. Porém, o Dr. Adriano faz uma recomendação. “Um dermatologista deve ser procurado imediatamente após se perceber sinais e/ou sintomas da doença, pois o quanto antes for feito o tratamento, menos transtorno o paciente terá”, alerta.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
logo_whatsapp_icon_181639.png
bottom of page