top of page

Viver sem óculos

Tem coisas que definitivamente não combinam com óculos. Correr e a lente ficar embaçada pelo suor. Cozinhar e ter as lentes engorduradas. Fazer uma maquiagem caprichada pra encontrar o namorado e escondê-la atrás dos óculos.

A maioria das pessoas se incomoda em usar os tradicionais óculos para correção de problemas visuais comuns como a vista cansada ou a miopia. E também a maioria das pessoas pode se livrar definitivamente deles , independente do problema visual – de erros refracionais a catarata.

Para o servidor público Saulo Pereira, 26 anos, a cirurgia oftalmológica para correção da miopia foi uma libertação das incômodas lentes de contato. O ritual diário de acordar tateando as coisas e ter que fazer toda a higiene das lentes de contato tornou-se cansativo.

Além disso, ele passou por várias situações incômodas como lentes ressecadas nos olhos, sujeira na lente em lugares onde não tinha como limpar ou areia na praia, que irritava demais os olhos. “Depois da cirurgia, minha vida ficou muito mais simples. Sem falar nos gastos mensais com produtos para limpeza e as trocas periódicas das lentes. Tenho uma sensação de libertação”, conta.

Os avanços tecnológicos na área da oftalmologia permitem que a maioria das pessoas possa se livrar das lentes corretivas por meio de várias técnicas cirúrgicas. Uma delas é a cirurgia refrativa a laser.

Dentro dessa modalidade, a novidade é a tecnologia batizada Allegretto  que corrige, além da miopia, astigmatismo e hipermetropia, a vista cansada (presbiopia), que outros tipos de laser não conseguiam fazer com muito sucesso anteriormente. O equipamento é considerado o mais moderno e preciso para cirurgias oculares refrativas. A cirurgia é realizada em poucos minutos e sem necessidade de internação.

O chefe do departamento de cirurgia refrativa do Grupo Visão Institutos Oftalmológicos Associados, Edson Silvério, explica que além das cirurgias de correção o equipamento também é utilizado para corrigir grau residual de outras operações feitas anteriormente.

O equipamento permite cirurgia rápida com anestesia tópica, feita com colírios, pós-operatório tranqüilo e sem necessidade de afastamento do trabalho.

Nas cirurgias de catarata, as lentes intra-oculares estão cada dia mais modernas e não medem mais que alguns milímetros, facilitando o implante definitivo. Há lentes monofocais e lentes multifocais, que são indicadas de acordo com cada caso.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
logo_whatsapp_icon_181639.png
bottom of page