top of page

Pais, fiquem de olho!

Além dos já conhecidos teste do pezinho e da orelhinha, os pais estão, cada vez mais, exigindo dos médicos, o teste do olhinho. O exame serve para prevenir e detectar nos recém-nascidos, doenças relacionadas à visão. A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), assegura desde 2010, a realização do exame pelos planos de saúde. Contudo, o teste, também realizado pela rede pública, é instituído por lei apenas em alguns estados do país.

O oftalmologista Luís Fernando Paiva, do Instituto de Olhos Clóvis Paiva, revela que o exame é indolor, rápido e não precisa usar colírio. “Observamos através de um aparelho chamado oftalmoscópio, o reflexo que vem da retina do bebê. Caso o reflexo seja vermelho, amarelo ou alaranjado, a visão da criança está normal. Caso haja alguma alteração, esse reflexo se apresenta de forma esbranquiçada”, afirma o médico.

O teste do olhinho previne e diagnostica doenças como a retinopatia nos bebês prematuros, principal causa da cegueira infantil na América Latina; catarata congênita; glaucoma; retinoblastoma, que é um tumor que acomete mais crianças; infecções; traumas de parto e a cegueira. Segundo estatísticas, essas alterações atingem cerca de 3% dos bebês em todo o mundo. De acordo com a Sociedade Brasileira de Oftalmologia Pediátrica, 80% da cegueira mundial poderia ser evitada, pois desse quantitativo, 60 % das doenças são curáveis e 20 % preveníveis.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
logo_whatsapp_icon_181639.png
bottom of page